Jornal O Impacto - Guararapes e Região

Preços da gasolina, diesel e gás de cozinha têm novo aumento

 

- da Redação –

 

                A partir de sexta-feira (11), gasolina, óleo diesel e gás de cozinha estão mais caros no Brasil. A Petrobras reajustou o preço médio de venda da gasolina para as distribuidoras, passando de R$ 3,25 para R$ 3,86 o litro, um aumento de 18,8%. Para o diesel, o preço subiu de R$ 3,61 para R$ 4,51 por litro, uma alta de 24,9%.

Já o preço médio de venda do GLP da Petrobras, para as distribuidoras, foi reajustado em 16,1% e foi de R$ 3,86 para R$ 4,48 por kg, equivalente a R$ 58,21 por 13kg. Antes do aumento, o gás de cozinha (GLP) custava em média R$ 102,64 o botijão e passará agora para perto de R$ 120,00.

O valor final dos preços dos combustíveis nas bombas depende também de impostos e das margens de lucro de distribuidores e revendedores. Considerando o levantamento da ANP (Agência Nacional de Petróleo), o preço médio da gasolina no país deverá agora ficar em torno de R$ 7,813. Já o do diesel será de R$ 6,998 o litro.

Desde 2016, a Petrobras passou a adotar para suas refinarias uma política de preços que se orienta pelas flutuações do preço do barril de petróleo no mercado internacional e pelo câmbio.

De olho na sua reeleição neste ano, o presidente Jair Bolsonaro vem afirmando que não deve deixar a Petrobras repassar integralmente a alta do petróleo no mercado internacional aos preços do mercado brasileiro. Mas até agora, não tomou qualquer medida de contenção.

 

CONTRA ABUSOS

                O Procon emitiu nota aos meios de comunicação orientando os consumidores a denunciarem os postos de combustíveis que anteciparem os reajustes anunciados pela Petrobras.

                Os novos preços só passam a valer a partir do dia 11, mas o Procon recebeu denúncias de que alguns revendedores decidiram repassar os aumentos já nesta quinta-feira (10). “O Procon-SP vai combater especulação no preço dos combustíveis. Os consumidores que se depararem com a situação (de antecipação do aumento nas bombas) devem fazer sua denúncia no site do Procon-SP, anexando fotos dos preços da bomba”, afirma o diretor executivo do Procon-SP, Fernando Capez.

Veja aqui o link para denúncia 



Gás de cozinha deverá passar de R$ 120 em algumas cidades com o reajuste feito pelo Petrobras


Postagem Anterior Próxima Postagem

ÓTICA OCULAR E ESTILO

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

SICOOB

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

SUPERMERCADOS JORDÃO

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

RIGUETI AUTO PEÇAS

Jornal O Impacto - Guararapes e Região