Jornal O Impacto - Guararapes e Região

Vereadores de Araçatuba votam aumento de quase 100%

Projeto da Mesa Diretora propõe reajuste que pode elevar salário da vereança de R$ 6,5 mil para R$ 12,6 mil na próxima legislatura


- da Redação –

 

Em sua primeira sessão extraordinária de 2023, os vereadores de Araçatuba irão votar, amanhã (11), projeto de resolução de autoria da Mesa Diretora elevando o subsídio deles dos atuais R$ 6.502,25 para R$ 12.661,12 para a próxima legislatura. O aumento é de 94,71%.

A última tentativa de elevar os próprios subsídios foi em novembro de 2021, informa o RP10 Notícias. Na ocasião, o projeto foi aprovado como objeto de deliberação, mas, diante da repercussão negativa perante a população, a Mesa Diretora da época decidiu retirar a matéria, que também dobrava os vencimentos dos parlamentares.

Se aprovado, o novo projeto de resolução prevê que o subsídio de R$ 12.661,12 passe a valer a partir da próxima legislatura, que se inicia em 1º de janeiro de 2025. Hoje, os atuais R$ 6.502,25 rendem um custo de R$ 97.533,75 mensais à Câmara, levando-se em conta o subsídio pago aos 15 vereadores. Com o aumento, este custo passaria a ser de R$ 189.916,80 ao mês.

A presidente da Câmara, vereadora Cristina Munhoz (União Brasil), disse à reportagem do RP10 que os subsídios dos vereadores não têm recomposição desde 2006. “Hoje, recebemos R$ 5 mil líquidos. Este valor, em 2006, correspondia a 18 salários mínimos e hoje, corresponde a 4,9 salários”, afirmou, destacando que o subsídio dos vereadores é inferior ao salário de assessores e chefes de gabinete, que chega a R$ 9 mil.

Na justificativa anexada ao projeto, os integrantes da Mesa citam que Araçatuba se enquadra na alínea “d” do inciso VI do artigo 29 da Constituição Federal. Ela prevê que, em um município de 101 mil a 300 mil habitantes, o subsídio máximo dos vereadores corresponderá a 50% do subsídio dos deputados estaduais, que neste mês é de R$ 29.499,99.

“Em atendimento ao disposto na Constituição Federal e ao que dispõe a resolução 2.051, de 31 de outubro de 2022, Regimento Interno da Câmara Municipal de Araçatuba, apresentamos o presente projeto, cujo valor está em conformidade com o que estabelece a CF”, diz a justificativa.

Postagem Anterior Próxima Postagem

ÓTICA OCULAR E ESTILO

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

SICOOB

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

SUPERMERCADOS JORDÃO

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

RIGUETI AUTO PEÇAS

Jornal O Impacto - Guararapes e Região