Jornal O Impacto - Guararapes e Região

Justiça condena dois PMs por estupro de jovem dentro de viatura

 


                A Justiça Militar de São Paulo condenou dois policiais militares por estupro contra uma mulher dentro de uma viatura. O caso aconteceu em julho de 2019 e segundo a acusação, foi praticado pelo soldado Danilo de Freitas, condenado a 16 anos de prisão em regime fechado, com o conhecimento do também soldado Anderson Silva da Conceição, apenado com sete anos de reclusão no regime semiaberto. Cabe recurso à decisão.

                Segundo relato da vítima, que na época tinha 23 anos, ela perdeu o ponto de descida do ônibus para a cidade de São Vicente, onde morava, e foi pedir informação em um posto policial na entrada de Praia Grande.

                Os PMs Freitas e Conceição se ofereceram para leva-la até a sua casa e ela aceitou. Assim que ela entrou na viatura, o PM Danilo de Freitas foi para o banco de trás, enquanto o seu colega de farda assumiu o volante do veículo. A vítima conta que eles a levaram a lugar ermo, onde o estupro foi consumado.

                Na decisão inicial do processo, feita pelo juiz militar Ronaldo João Roth, e que foi agora reformada, a vítima não fez nada para impedir o estupro, consentindo o ato. No entanto, o Ministério Público e a Defensoria Pública Estadual ingressaram com recurso, que foi acatado e os dois policiais acabaram condenados.


Postagem Anterior Próxima Postagem

ÓTICA OCULAR E ESTILO

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

SICOOB

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

SUPERMERCADOS JORDÃO

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

RIGUETI AUTO PEÇAS

Jornal O Impacto - Guararapes e Região