Jornal O Impacto - Guararapes e Região

Guararapes é a terceira cidade da região com mais fraudes detectadas pela CPFL

 

Em ações de combate a fraudes e furtos, a CPFL Paulista recuperou cerca de 2.200 Megawatts (MWh) desviados ilegalmente em 2023 na região de Araçatuba. Com o uso de tecnologia e apoio das autoridades policiais em operações especiais, a empresa quase que dobrou a quantidade de energia recuperada na mesma região em relação a 2022.

Além de ilegal, fraudar instalações ou furtar energia representam sérios riscos à segurança das pessoas, podendo causar instabilidade no fornecimento e pode ter reflexo da tarifa dos demais clientes.

Na região de Araçatuba, equipes da distribuidora realizaram inspeções em residências, comércios e indústrias e regularizaram 733 instalações no ano passado. A cidade da região com mais instalações regularizadas foi Araçatuba, com 485 unidades, 90% acima do ano anterior. Já em Birigui, outra importante cidade da região, foram 115 regularizações. 

Além desses municípios, também passaram por inspeções e operações especiais da CPFL Paulista: Guararapes, Penápolis e Valparaíso.

 

Instalações Regularizadas:  

Município

2022

2023

Araçatuba

255

485

Birigui

101

115

Guararapes

20

37

Penápolis

26

34

Valparaíso

26

22

Santo Antônio do Aracanguá

18

08

Avanhandava

07

04

Glicério

01

04

Cajobi

04

02

Bilac

03

01

 

Segundo Rafael Lazzaretti, diretor Comercial da CPFL Energia, a quantidade expressiva de energia recuperada é resultado de inspeções mais assertivas, impulsionadas pela aplicação de inteligência artificial no processo. “O uso da tecnologia possibilita o acompanhamento do consumo e a detecção remota de irregularidades, contribuindo para a redução da reincidência e a diminuição do número de inspeções necessárias”, explica.

“Outra tecnologia que empregamos no combate às fraudes é a blindagem das medições, inclusive nos grandes clientes, como indústrias e comércios. Os medidores com essa tecnologia, são acessíveis apenas aos técnicos da empresa e proporcionam acompanhamento do consumo em tempo real, permitindo que a leitura e faturamento sejam realizados à distância. Só em 2023 blindamos cerca de 37 mil estabelecimentos das quatro distribuidoras da CPFL Energia”, conta Lazzaretti.



Postagem Anterior Próxima Postagem

ÓTICA OCULAR E ESTILO

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

SICOOB

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

SUPERMERCADOS JORDÃO

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

RIGUETI AUTO PEÇAS

Jornal O Impacto - Guararapes e Região