Jornal O Impacto - Guararapes e Região

Com 136 casos em cinco dias, Guararapes retoma restrições e reativa central da Covid-19

 

UBS Antônio Simões, na Vila Medeiros, está reativada como central de atendimento para pacientes com doenças respiratórias a partir de segunda-feira (10)


- Ediwilson dos Santos –

 

                Apesar da ampla cobertura da imprensa divulgando diariamente as recomendações das autoridades sanitárias para que a população mantenha as medidas de proteção contra os riscos de contaminação pelo coronavírus, neste início de 2022 está sendo constatada uma nova onda de casos de Covid-19 em quase todas as regiões brasileiras.

E Guararapes está incluída. Somente nos cinco primeiros dias úteis deste ano, a Vigilância Epidemiológica Municipal recebeu a confirmação de 136 novos casos de infecções. O número é quase seis vezes os 23 registros ocorridos entre outubro e dezembro de 2021, quando as pessoas afrouxaram de vez as medidas protetivas, como uso de álcool em gel, máscara facial e distanciamento interpessoal mínimo.

Apesar dessa explosão de casos novos, pelo menos não há informação de pacientes com casos graves da Covid-19 em Guararapes e apenas um morador da cidade foi internado no dia 3, em uma unidade hospitalar fora do município, mas liberado horas depois.

O surgimento de novos casos era até esperado pelas autoridades de saúde pública, pela visível desistência de parte da população às normas sanitárias vigentes na pandemia, ocorrida pelo avanço da vacinação e queda vertiginosa de infecções e mortes.

Essa mistura de fatos surtiu um efeito de falsa segurança nos mais resistentes ao uso de máscara e distanciamento e, em dezembro, com as festas de confraternização de final de ano, onde apertos de mãos e abraços são constantes, houve o favorecimento para o coronavírus voltar a alastrar-se.

Os números podem continuar avançando nas próximas semanas, mas o governo estadual acredita que o quadro de mortes da pandemia deve permanecer estável, devido à aceleração da terceira dose da imunização em adultos e do início da vacinação em crianças com mais de 5 anos de idade.

 

RETOMADA DE RESTRIÇÕES

                Para tentar diminuir essa explosão de novas infecções, o prefeito de Guararapes, Alex Arruda, baixou dois decretos na semana passada, retomando medidas restritivas de 2021, determinando capacidade máxima de 60% em salões de festa, bares, restaurantes e templos religiosos e distanciamento mínimo de 1,5 metro entre as pessoas.

                E a partir de segunda-feira (10), a UBS Antônio Simões, na Vila Medeiros, foi reativada como central de atendimento para atendimento a pacientes com doenças respiratórias, com a finalidade de facilitar a detecção do coronavírus.




Postagem Anterior Próxima Postagem

ÓTICA OCULAR E ESTILO

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

SICOOB

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

SUPERMERCADOS JORDÃO

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

RIGUETI AUTO PEÇAS

Jornal O Impacto - Guararapes e Região