Jornal O Impacto - Guararapes e Região

“Droga da morte” chega ao Brasil

 


- Ediwilson dos Santos –

 

                O Departamento Especializado em Narcóticos (Denarc) da Polícia Civil do Espírito Santo fez a primeira apreensão que se tem notícia no Brasil do opioide sintético fentanil. Em fevereiro, ao investigarem um suposto depósito de drogas em Cariacica, os agentes apreenderam, entre outros entorpecentes já conhecidos, 31 frascos de fentanil.

A droga tem uso indicado para pacientes submetidos a cirurgias e para aqueles com estágio avançado de câncer, porque possui um efeito analgésico 100 vezes mais potente que a morfina.

Os traficantes usam o fentanil para misturar à cocaína e metanfetamina, além da heroína – principalmente no mercado norte-americano. Lá, somente em 2022, mais de 100 mil pessoas morreram vítimas de overdose. E o fentanil é apontado pelo DEA, o departamento que combate às drogas nos Estados Unidos, como um responsável pelo aumento das mortes.

A mistura do fentanil a qualquer outra droga ilícita para ser inalada ou diluída para aplicação intravenosa pode ser mortal, mesmo em baixíssima dosagem. Ele causa euforia e, depois, relaxamento mental e físico, levando o indivíduo à sonolência e, por fim, à morte.

No caso da droga apreendida pelo Denarc do ES, a polícia já tem a origem dos comprimidos, que é um laboratório localizado em Minas Gerais, além do nome do traficante responsável pelo depósito de drogas em Cariacica. A inteligência da Polícia Civil quer agora saber como e por onde o fentanil foi desviado de MG para o ES.


Postagem Anterior Próxima Postagem

ÓTICA OCULAR E ESTILO

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

SICOOB

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

SUPERMERCADOS JORDÃO

Jornal O Impacto - Guararapes e Região

RIGUETI AUTO PEÇAS

Jornal O Impacto - Guararapes e Região